Terça-Feira, 16 de Janeiro de 2018

Acidentes com múltiplas vítimas sobrecarregam serviço de saúde em Toledo

Três acidentes em menos de 12 horas deixaram 24 vítimas

Toledo

| 21/12/2017 | 08:49 | Assessoria
Acidentes com múltiplas vítimas sobrecarregam serviço de saúde em Toledo | Toledo
| Foto: Assessoria
Somente da noite de terça-feira (19) até a manhã de quarta-feira (20) foram registrados três acidentes com várias vítimas. Boa parte dos atendimentos foi encaminhada para a UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) Doutor José Ivo Alves da Rocha e ao Mini-Hospital Doutor Jorge Nunes.

A situação acabou sobrecarregando os serviços de saúde do município, gerando demora maior aos pacientes que se deslocaram até as unidades. Isso porque os atendimentos são feitos conforme a gravidade do paciente, ou seja, as emergências são prioridade.

Conforme o secretário de saúde, Thiago Stefanello, o impacto dos acidentes de trânsito no sistema de saúde é muito grande e sobrecarrega as unidades de atendimento. "Quando ocorrem acidentes com múltiplas vítimas qualquer organização foge do controle. Nesta situação mobilizamos as equipes do Mini e UPA para que fiquem de prontidão, pois nesse momento não importa a origem dos pacientes e sim salvar a vida dessas pessoas", pontua.

Ele destaca que o Samu também teve um papel importante no atendimento desses pacientes e na resolutividade dessas situações. "São dias atípicos, mas que trazem bastante sobrecarga a todos os serviços de saúde do município. Foram três acidentes em menos de 12 horas totalizando 24 vítimas, dessas três fatais. Nesse momento destacamos a importância da UPA e do Mini em prestar esse atendimento às vítimas. Não há organização e planejamento que estejam preparados para tantas situações com acidentes com múltiplas vítimas. Mas temos servidores e profissionais que estão junto com o Samu dando suporte necessário".

Stefanello complementa que por conta desses atendimentos de emergência, há uma morosidade nos demais. "Pedimos a paciência da população porque estamos com bastante demanda. São casos graves e precisamos dar prioridade, ficando os menos graves esperando um pouco mais".

A função básica da UPA e do Mini é realizar procedimentos de emergência. Diagnosticar os problemas dos pacientes e, se for preciso, encaminhá-los a hospitais.

Entretanto, com a falta de vagas em hospitais na região a UPA acaba absorvendo a demanda de Toledo, São Pedro do Iguaçu, Ouro Verde do Oeste e São José das Palmeiras para não deixar os pacientes desassistidos.

ACIDENTES
O primeiro acidente registrado na terça-feira (19), por volta das 19h30, registrado no centro de Toledo deixou uma vítima extremamente grave. Ela foi entubada pelo Samu e encaminhada ao Hospital Bom Jesus, outras três vítimas foram levadas para a UPA.

Nas proximidades de Tupãssi outra colisão entre dois veículos deixou seis vítimas. Dessas duas foram a óbito, uma criança foi para o HU, um adulto para o Bom Jesus e os outros dois para a UPA.

Na manhã desta quarta-feira (20), um acidente envolvendo um micro-ônibus próximo a São Pedro deixou 14 vítimas, sendo a maioria moradores de Vera Cruz do Oeste. Uma foi a óbito no local, três foram levadas para a UPA e oito para o Mini hospital.
VEJA MAIS SOBRE Toledo
EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Há 51 minutos | Foz do Iguaçu
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES