Terça-Feira, 16 de Outubro de 2018

Atletas olímpicos remam nas Cataratas do Parque Nacional do Iguaçu

Atletas treinaram o remo nas Cataratas do Iguaçu

Foz do Iguaçu

| 26/01/2017 | 08:55 | Assessoria
Atletas olímpicos remam nas Cataratas do Parque Nacional do Iguaçu | Foz do Iguaçu
| Foto: Catve
PUBLICIDADE

Poucas coisas podem marcar tanto a vida de um atleta quanto competir em uma edição de Jogos Olímpicos, mas os cinco canoístas que representaram a Canoagem Slalom do Brasil no Rio 2016 tiveram, nesta semana, um dia que ficará gravado para sempre. Ana Sátila, Pedro Gonçalves, Felipe Borges, Charles Corrêa e Anderson Oliveira puderam remar e treinar um pouco das suas técnicas nas corredeiras das Cataratas do Iguaçu.

Pedro Gonçalves, do K1 Masculino, comentou essa oportunidade. "Estar em um Parque Nacional, com toda essa biodiversidade e poder remar junto com a natureza, com este cenário das Cataratas... é de arrepiar". Já Felipe Borges, nascido em Foz do Iguaçu, ficou impressionado com rara possibilidade. ?Poder ver essas maravilhas de outro ângulo é uma oportunidade única. Muito obrigado ao Parque Nacional do Iguaçu e as pessoas que aqui trabalham por cuidar de tudo isso para nós?, agradece o atleta.

Charles Corrêa aproveitou cada minuto na água. ?Não tenho palavras para descrever minha felicidade, foi incrível poder estar em um Patrimônio Natural da Humanidade e remar aos pés de uma das Sete Maravilhas Naturais do Mundo?. Ana Sátila sempre quis remar aqui ?adoro esse local, essa energia da natureza?, pensamento compartilhado por Anderson Oliveira, ?esse momento ficará na minha memória para sempre?.

Atividade de Canoagem

Em virtude do Parque Nacional do Iguaçu ser uma unidade de proteção integral da natureza e ainda fazer parte do Sistema de 326 Unidades de Conservação Federais geridas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a atividade só pode ser realizada por meio de um planejamento que considerasse toda logística e segurança dos atletas, assim como da biodiversidade local.

Quando recebemos a proposta da Confederação Brasileira de Canoagem percebemos uma oportunidade de promover a conservação da natureza alinhada ao esporte como uma forma de desenvolvimento socioambiental, de chamar a atenção para esta integração?, comenta Rafael Rodrigues Machado, servidor do ICMBio/ParNa Iguaçu, coordenador geral da atividade.


Quer receber as notícias mais importantes de Marechal no WhatsApp? Clique aqui

VEJA MAIS SOBRE Foz do Iguaçu
EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Há 28 minutos | Santa Fé
Há 48 minutos | Ponta Grossa
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL