Terça-Feira, 12 de Dezembro de 2017

Estado confirma mais moradias em Marechal Cândido Rondon

Os projetos somam cerca de 29 milhões de reais, em recursos federais, estaduais e municipais, por meio do programa Minha Casa Minha Vida.

Marechal Cândido Rondon

| 06/12/2017 | 08:43 | AEN
O governo do Paraná confirmou mais 400 novas moradias para famílias de Assis Chateaubriand, Marechal Cândido Rondon, no Oeste do Paraná, e para a cidade de Guarapuava. Os termos de adesão ao programa Morar Bem Paraná foram assinados pelo governador Beto Richa e os prefeitos das cidades nesta terça-feira, no Palácio Iguaçu. Os projetos somam cerca de 29 milhões de reais, em recursos federais, estaduais e municipais, por meio do programa Minha Casa Minha Vida. Na solenidade, o governador ressaltou o impacto que os projetos têm para as famílias atendidas e também para os municípios. 

Nos três municípios, os projetos são destinados a famílias com renda de até 1.800 reais ao mês. Com os incentivos do poder público, elas pagam prestações mensais que variam de 80 a 270 reais durante dez anos, financiados pela Caixa Econômica Federal. Assis Chateaubriand tem dois empreendimentos de 100 unidades cada um. A construção das moradias injeta mais de 14 milhões de reais na economia do município, segundo o prefeito Marcel Micheletto, que é presidente da Associação dos Municípios do Paraná. 

Em Guarapuava e em Marechal Cândido Rondon são construídas 100 casas em cada cidade. O prefeito de Guarapuava, César Silvestri, explicou que o novo empreendimento, de oito milhões de reais, atende famílias do distrito de Palmeirinha, que precisa de investimentos nesta área. 

De acordo com o prefeito de Marechal Cândido Rondon, Márcio Rauber, a cidade, atualmente, registra deficit habitacional. 

Pelo convênio firmado, o governo estadual financia a instalação de energia elétrica, abastecimento de água e esgoto dos conjuntos habitacionais, por meio de parcerias com a Copel e a Sanepar. O termo também prevê a prestação de assessoria técnica da Cohapar, a Companhia de Habitação do Paraná, durante todas as etapas de construção, até a entrega das chaves. Pelas regras do Ministério das Cidades, responsável pela seleção de novos projetos do Minha Casa Minha Vida, os empreendimentos que contam com contrapartidas estaduais e municipais têm prioridade de escolha. As ações da Cohapar e a instalação de energia e saneamento fizeram com que o Paraná fosse o segundo estado a receber mais unidades nesta etapa de seleção. Para o superintendente nacional da Caixa Econômica Federal, Elcio Lara, essa quantidade de projetos demonstra a boa parceria com o governo do estado. Ao todo, 29 municípios paranaenses recebem 246 milhões de reais de investimentos para a construção de 3.331 casas nesta etapa. 

VEJA MAIS SOBRE Marechal Cândido Rondon
EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES