Sábado, 25 de Maio de 2019

Furacão é campeão da Taça Dirceu Kruger e enfrenta o Toledo na final

Futebol

| 11/04/2019 | 08:05 | Tribuna PR
Furacão é campeão da Taça Dirceu Kruger e enfrenta o Toledo na final | Futebol
PUBLICIDADE
Foi com emoção e uma dose extra de sofrimento, mas o Athletico, melhor time do segundo turno, é o campeão da Taça Dirceu Krüger do Campeonato Paranaense. Depois de conseguir o empate em 1×1 aos 44 minutos do segundo tempo, o Furacão venceu o clássico contra o Coritiba nas penalidades por 7×6, na noite desta quarta-feira (10), na Arena da Baixada e ficou com a taça da segunda etapa do Estadual. O Rubro- Negro vai encarar agora o Toledo na finalíssima do torneio, com o primeiro jogo sendo realizado já neste domingo (14), às 16h, no Estádio 14 de Dezembro, no Oeste do Estado.

O primeiro tempo do Atletiba foi muito mais de transpiração do que inspiração Apesar da vontade dos dois times, faltava organização e até um pouco de qualidade para ambos os lados. Mesmo jogando como visitante, o Coritiba foi um pouco melhor que o Athletico e criou sua primeira chance logo aos 20 segundos, com Rodrigão, que recebeu na entrada da área e chutou de primeira, mas errou o alvo.

A melhor jogada do Furacão veio aos nove. Jáderson avançou pela esquerda e serviu Marquinho, que na única vez que conseguiu sair da marcação do Coxa, apareceu na cara do gol, mas Alex Muralha fez grande defesa. A resposta veio minutos mais tarde, só que Juan Alano, depois de receber livre na área, acabou errando o cruzamento.

O Alviverde sentia muito a falta de Giovanni. Kady começou como titular, mas pouco fez e errou praticamente todas as tentativas no setor de criação. Por isso, o time coxa-branca tinha dificuldades para segurar a bola na frente e ficava muito dependente de Rodrigão. O camisa 9, sempre perigoso, quase marcou aos 26, mas depois de passar por Lucas Halter acabou parando na boa defesa do goleiro Léo.

Já o Rubro-Negro, bem marcado, sobretudo nas investidas dos seus homens de lado, teve dificuldades para criar chances na primeira etapa. Deu tempo ainda na etapa inicial para Bergson quase marcar depois da falha de Alan Costa, e também para a troca do árbitro, já que Paulo Roberto Alves Júnior sentiu uma lesão e foi substituído por Nilo Neves de Souza Júnior.


Quer receber as notícias mais importantes de Marechal no WhatsApp? Clique aqui

EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL