Domingo, 22 de Julho de 2018

Médico é sequestrado para atender criminoso

Acredita-se que o profissional tenha ficado cerca de seis horas com os bandidos

Rio de Janeiro

| 16/10/2017 | 11:43 | Agência Brasil
Médico é sequestrado para atender criminoso | Rio de Janeiro
| Foto: Catve
RECOMENDAMOS
Um médico foi sequestrado por criminosos que invadiram a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) na zona norte do Rio de Janeiro, na madrugada do domingo, 15. Ele foi obrigado a acompanhar a transferência de um baleado até uma clínica na Baixada Fluminense.

A ação aconteceu por volta das 2h45 da manhã de domingo (15), quando a UPA do Complexo da Maré foi invadida e os criminosos exigiram o atendimento a um deles, que teria sido baleado horas antes num confronto com policiais militares. No ato, os bandidos renderam o motorista de uma ambulância, e obrigaram o médico a acompanhá-los.

O médico já foi liberado e a polícia aguardam para ouvi-lo. A ambulância foi encontrada pela polícia às 11h de ontem. A Delegacia de Bonsucesso, a 21ª DP, está na busca da identificação dos criminosos. O motorista da ambulância que teria sido rendido pelos criminosos presenciou toda a ação e já prestou depoimento.
EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Há 15 horas | FIQUE POR DENTRO!
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES