Terça-Feira, 16 de Outubro de 2018

Nubank confirma investimento de US$ 90 milhões de gigante chinesa

Startup

| 09/10/2018 | 13:43 | Notícias ao Minuto
Nubank confirma investimento de US$ 90 milhões de gigante chinesa | Startup
| Foto: Notícias ao Minuto
PUBLICIDADE

A startup financeira Nubank confirmou nesta terça-feira (9) ter recebido investimento de US$ 90 milhões (cerca de R$ 340 milhões) da empresa chinesa Tencent.

A gigante chinesa, criada em 1998 e dona do serviço WeChat, atua em áreas como pagamento, computação em nuvem, jogos, vídeos, músicas e livros. O Nubank já havia recebido recursos de investidores importantes em seis captações anteriores. Entre os que apostaram na empresa estão o fundo Sequoia Capital, do Vale do Silício, e o argentino  Kaszek Ventures.

No total, a companhia já recebeu US$ 420 milhões para investir em seu crescimento (R$ 1,75 bilhão).

A brasileira, que ganhou espaço no mercado oferecendo um cartão de crédito gerenciado via smartphone e sem cobrança de tarifas, já distribuiu cerca de 5 milhões de cartões desde 2014. Mais de 20 milhões de pessoas pediram o produto.

No ano passado, também lançou uma conta digital que investe os recursos dos clientes em títulos públicos automaticamente. Porém ela ainda têm limitações em relação às contas tradicionais, não permitindo o pagamento de tributos ou transferências em determinados horários do dia.

Segundo o Nubank, são 2,5 milhões de usuários da conta digital.Em nota à imprensa, o fundador e presidente executivo da startup disse que a empresa gera caixa operacional e não precisaria captar mais investimentos, mas não pode deixar passar a chance de se aliar a Tencent, devido a espertise da nova parceira.

"Nosso objetivo é expandir cada vez mais o nosso alcance e ter um produto para cada brasileiro, esperamos aprender muito com a experiência da Tencent na China", disse ele.

"Com a criação de uma marca forte e a sua experiência operacional, o Nubank teve um crescimento robusto nos últimos anos e se tornou um dos bancos digitais com a maior base de usuários do mundo", afirmou Martin Lau, presidente da Tencent no anúncio. Em janeiro, a fintech obteve a autorização do Banco Central para operar como uma instituição financeira.

No primeiro semestre do ano, o Nubank registrou prejuízo de US$ 51 milhões, maior do que os US$ 39 milhões do ano anterior.

A perda pode ser explicada pela opção da empresa de seguir investindo em crescimento. A receita da companhia dobrou no período e chegou a R$ 503 milhões. Com informações da Folhapress.


Quer receber as notícias mais importantes de Marechal no WhatsApp? Clique aqui

EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Há 47 minutos | Marechal Cândido Rondon
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL