Segunda-Feira, 15 de Outubro de 2018

Polícia Civil elucida crime de homicídio em Marechal Rondon

De acordo com a Polícia Civil, a vítima já tinha passagens pelo setor policial. Como não houve flagrante, o autor do crime foi ouvido e liberado.

Marechal Cândido Rondon

| 22/12/2017 | 08:38 | O Presente
Polícia Civil elucida crime de homicídio em Marechal Rondon | Marechal Cândido Rondon
| Foto: O Presente
PUBLICIDADE

A 47ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Marechal Cândido Rondon elucidou o homicídio ocorrido na madrugada de quarta-feira (20), na Praça Willy Barth, no centro da cidade. Na ocasião, um homem de 40 anos, identificado como Gerson Valmir Lagemann, foi morto a facadas. O responsável pelo crime, um homem de 35 anos, foi localizado no dia seguintes aos fatos, após investigações da Polícia Civil e denúncias de populares.

Segundo a polícia, após contato com testemunhas que estavam próximas do local e análise das imagens das câmeras de segurança existentes nas proximidades, os investigadores chegaram até um casal que residia na Rua Pernambuco, próximo ao local do crime, mas que curiosamente haviam mudado de endereço na tarde de quarta-feira.

O fato da mudança repentina levantou suspeitas e os investigadores, em averiguação à situação, localizaram o casal, que foi levado à delegacia, onde o autor acabou confessando o crime.

Em depoimento, o autor alegou que ele e a mulher estavam sentados na praça ingerindo bebida alcoólica quando a vítima, já alcoolizada, teria chegado ao local e, embora não se conhecessem, pedido para a mulher comprar bebida para ele. A mulher, então, teria ido até um carrinho de cachorro-quente próximo à praça, mas não encontrou o produto e retornou para onde estava o marido.

Por não receber a bebida, a vítima teria começado a xingar o casal, dando início à discussão. O autor disse ainda que pediu para que o homem se retirasse local, insistindo por diversas vezes. No entanto, a vítima teria investido contra ele, e arrancado, inclusive, um pedaço da sua camiseta, que, posteriormente, foi encontrada no local do crime.

Em meio a discussão, o autor se armou com uma faca, que havia sido levada para cortar gelo para as bebidas, e desferiu os golpes contra a vítima.

Em depoimento à polícia, o autor alegou legítima defesa e disse ainda que, após as agressões, a vítima teria saído correndo, o que fez com que ele acreditasse que o homem não teria ficado gravemente ferido.

Após isso, o casal teria ido para casa e tomado conhecimento do óbito da vítima apenas na manhã seguinte, através de notícias divulgadas nos meios de comunicação da cidade.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima já tinha passagens pelo setor policial. Como não houve flagrante, o autor do crime foi ouvido e liberado.

O inquérito policial foi encaminhado para o Fórum e cabe agora ao juiz decidir o desfecho do caso.


Quer receber as notícias mais importantes de Marechal no WhatsApp? Clique aqui

VEJA MAIS SOBRE Marechal Cândido Rondon
EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Há 1 dia | FIQUE POR DENTRO!
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL