Sábado, 18 de Agosto de 2018

Tentativa de roubo de 5 carros-fortes transforma BR-376 em praça de guerra

Assalto foi a um carro-forte, na altura do KM 536 da rodovia

Paraná

| 06/02/2018 | 11:29 | Gazeta do Povo
Tentativa de roubo de 5 carros-fortes transforma BR-376 em praça de guerra | Paraná
| Foto: Gerson KlainaTribuna do Paraná
RECOMENDAMOS
Uma tentativa de assalto a um comboio de carros-fortes acabou em tiroteio, morte e no bloqueio total da BR-376, na região próxima à Colônia Witmarsun, no trecho que liga Curitiba a Ponta Grossa na manhã desta terça-feira (06). Segundo informações da própria Polícia Rodoviária Federal (PRF), há feridos na rodovia. Duas pessoas morreram, incluindo um político do interior do estado.

De acordo com informações iniciais fornecidas pela PRF, o grupo criminoso teria tentado interceptar cinco carros-fortes que seguiam de Ponta Grossa em direção à capital do estado por volta das 9h na altura do quilômetro 535 da estrada, próximo à ponte do Rio Tibagi. Eles teriam usado vários artefatos para bloquear do comboio, como miguelitos — estruturas com pregos usados para furas pneus e dificultar o avanço —, e forçado um caminhão a bloquear a rodovia.

No entanto, o assalto acabou frustrado pela ação dos policiais e dos funcionários da empresa de transporte de valores. Houve troca de tiros e dois criminosos foram atingidos e capturados. Outros dois integrantes do grupo escaparam e se esconderam na vegetação próxima à rodovia. Equipes da PRF fazem a busca na região com apoio de um helicóptero.

Mortos e feridos
Durante o tiroteio, alguns motoristas que trafegavam pela região também acabaram atingidos e dois morreram, entre eles um vereador da cidade de Barra do Jacaré, na região norte do estado. Um caminhoneiro também foi morto.

Outro vereador da cidade e um segundo caminhoneiro também foram baleados e socorridos em estado grave. Os feridos estão sendo atendidos no local por viaturas de resgate da concessionária e do Corpo de Bombeiros.

Por causa disso, a rodovia segue bloqueada nos dois sentidos, com filas de 15 km tanto para quem segue para Curitiba quanto para quem vai a Ponta Grossa. Segundo a PRF e a concessionária CCR Rodonorte, responsável pelo trecho, a previsão é que o tráfego seja liberado por volta das 15h.
EM DESTAQUE
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
ENTRETENIMENTO E VARIEDADES