15/02/2013 08:35 | Violência
Preso é morto dentro da cadeia de Marechal Cândido Rondon
O IML de Toledo foi acionado para remover o corpo e apurar a causa da morte.
Fonte: Educadora
Fotos: Marcio Cerny
 
Um detento da cadeia pública de Marechal Cândido Rondon, foi morto durante a noite passada. O fato ocorreu no interior do cadeião e existem suspeitas que o crime tenha acontecido após uma briga entre os presos.
 
Na manhã de hoje, com auxilio de equipes da Polícia Militar, os agentes entraram no cadeião e transferiram os 119 detentos para o “gaiolão”, para fazer a identificação do preso e retirada do corpo. O cadáver do preso morto dentro do cadeião, estava dentro do banheiro. Trata-se Valmir Rogério Kospsel Crispim, de 21 anos.
 
Ele foi detido no fim de outubro de 2012 e cumpria pena pelo crime de trafico de drogas. Valmir já era reincidente e havia sido preso em 2010 em Toledo.
 
Em relação a motivação do crime, nenhum detento quis revelar os reais motivos que resultaram na morte.
 
O IML de Toledo providenciou a remoção do corpo, que passará por exame de necropsia, que apontará a verdadeira causa morte.
 
Informações preliminares apontam que o detento possuía sinais de esganadura e possivelmente tenha sido morto por espancamento.
 
Para simular um possível suicídio, os autores do crime enrolaram uma toalha no pescoço de Valmir Rogério.
 
Segundo o delegado Sérgio Luis Alves, uma equipe de criminalista deverá investigar o caso com intuito de descobrir os possíveis autores do crime.
Locais:
 
 
 
Vende-se GM/CELTA 4P LIFE 1.0
R$ 16.990,00
Vende-se Scenic RXE 2.0
R$ 14.500,00
Vende-se MOTO Cg 150
R$ 6.000,00
Desenvolvido por Gilmar Angelo
Anunciantes