Porque a minha empresa precisa ter um site? Veja as respostas
 
Domingo, 16 de Junho de 2019 Fale Conosco Redação: (45) 9.9800-7080

Na pausa da Copa América, Palmeiras segue como o grande candidato ao título brasileiro

Esporte | 12/06/2019 | 15:11 |
| Fotos: DanteCan |
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Atual Campeão Brasileiro, o Palmeiras vive um de seus melhores momentos de sua gloriosa história. De 2015 para cá, já foram dois títulos do Brasileiro e uma Copa do Brasil e parece que essa excelente fase não vai acabar tão cedo.

Com a pausa da Copa América, o time de Luiz Felipe Scolari segue firme como principal candidato ao título e começou a temporada com o pé direito.

Nas apostas de futebol, o Palmeiras aparece soberano. Como grande candidato ao título, a cotação para a equipe de Felipão está em R$ 2,10 para 1. O Flamengo aparece bem atrás como segundo favorito em cotação de R$ 6 para 1.

O maior torneio de seleções na América Latina faz com que o Brasileirão só seja retornado em julho. Com isso, Scolari terá tempo de sobra para ajustar ainda mais o elenco do Verdão e solidificar o favoritismo da equipe.

Elenco grande é uma vantagem sobre os demais concorrentes
Reconhecido pela mídia especializada como o melhor elenco do Brasil, o Palmeiras tem os maiores salários do futebol nacional e conta com um investimento grande da Crefisa que potencializa o poderio financeiro da equipe paulista.

A força monetária dos atuais campeões nacionais possibilita com que o time tenha um elenco grande e com muitas possibilidades para Scolari. A rotação do esquadrão palmeirense será muito importante para a segunda metade da temporada, pois a partir de julho a equipe disputará três competições relevantes.

Além do Brasileirão, que só termina em dezembro, o Palmeiras está vivo na Copa do Brasil e na Taça Libertadores. As três competições são importantíssimas para medir o sucesso da equipe na temporada e é muito provável que o Verdão não poupe nenhum esforço para ir com força total em todos os embates.

Dos principais candidatos ao título nesta temporada, apenas o São Paulo e o Santos não disputam três competições a partir de julho. Portanto, a maioria dos outros times, como Grêmio, Atlético Mineiro, Internacional e Corinthians também terão que lidar com o desgaste do elenco, mas nenhuma dessas equipes contam com tamanha capacidade de rotação como o Palmeiras.

Elenco deve se reforçar ainda mais
O atacante Willian machucou o joelho direito na penúltima rodada do Brasileirão do ano passado e passou por uma cirurgia delicada. No entanto, um dos principais nomes do ataque palmeirense está próximo de retornar ao time.

Aos 32 anos, Willian entrou na fase final de recuperação e provavelmente estará saudável após o término da Copa América. Ele se juntará ao ataque do Palmeiras, que conta com nomes como Zé Rafael, Dudu e Deyverson.

O sistema ofensivo pode ficar ainda melhor, caso o Palmeiras realmente concretize a contratação de Keno. Jogador que atua pelos lados do campo e que foi destaque do Verdão em 2017 e 2018, atualmente ele joga no futebol egípcio, mas o diretor Alexandre Mattos quer o atacante de volta.


“Keno também gostaria de retornar ao Brasil. Após o primeiro contato com seus empresários, Alexandre Mattos ficou esperançoso com o que ouviu. Felipão também já corroborou com a ideia de ter o craque no elenco”, informa o site Palmeiras Online, que também diz que a pausa da Copa América será boa para Mattos progredir com as negociações.

Após a saída de Ricardo Goulart, é provável que a diretoria vá atrás de reforços. Caso a contratação de Keno não se concretize, outros jogadores devem entrar na mira do atual campeão nacional.

Favoritismo não entra em campo, mas as projeções estão ao lado do Palmeiras
Ainda é cedo no campeonato, visto que nem 10 rodadas foram completadas, porém, é difícil não enxergar o favoritismo que o Palmeiras tem em 2019. O time já era o grande candidato ao título antes da temporada começar e vem solidificando esse status no início do campeonato.

Além disso, vale ressaltar que os principais concorrentes ao título começaram a temporada em turbulência. O Cruzeiro ainda não engatou, enquanto o Flamengo passou por crises internas e o treinador recém-chegado Jorge Jesus ainda precisa se adaptar ao futebol brasileiro. Já o Grêmio luta para sair da parte inferior da tabela.

Os primeiros meses da temporada conspiraram a favor do Palmeiras que junto com boas atuações ampliou ainda mais o otimismo para o restante do ano. Ainda há muito campeonato pela frente, mas tudo aponta que será difícil tirar o segundo título consecutivo do Verdão.

PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL